O onda digital na América Latina veio para ficar

O onda digital na América Latina veio para ficar

Os leitores da américa latina consumiram um número recorde de títulos digitais durante a pandemia. Um estudo recente do aplicativo de leitura digital Bookmate mostra um aumento de 50% no tempo que passamos lendo materiais digitais no ano passado.

O Instituto Nacional de Estatística e Geografia (INEGI) apoia esses dados. De acordo com o relatório mais recente do Módulo de Leitura, a leitura digital no México atingiu seu ponto mais alto em cinco anos, aumentando de 6,8 para 21,5% entre 2016 e 2021. Os consumidores de revistas aumentaram de 2,6 para 21,6%, enquanto os leitores de jornais digitais aumentaram de 5,6 a 21,3%.

Mas para nós da Bibliotheca, os dados não são uma surpresa. No primeiro mês da pandemia, a cloudLibrary, a plataforma de leitura digital da Bibliotheca, viram o número de inscrições dobrar e a circulação aumentar em 50%.

O novo normal

Como quase todas as outras partes da vida diária, os hábitos de leitura mudaram drasticamente nos últimos 14 meses. As pessoas estão lendo mais e com mais frequência agora do que antes da pandemia. Como as restrições forçaram os leitores a se tornarem digitais, as pessoas que nunca haviam considerado eBooks ou eAudio foram apresentadas à facilidade e conveniência da leitura digital. Bibliotecas em todo o mundo viram um pico de circulação digital.

Em muitas partes do mundo, as restrições estão diminuindo, mas a demanda digital continua alta. Embora os usuários das bibliotecas estejam ansiosos para voltar a rotina de empréstimos de livros físicos, eles se acostumaram com os livros digitais sob demanda. Para atender a essas novas expectativas, as bibliotecas devem garantir que suas coleções digitais estejam à altura do desafio.

Maneiras acessíveis de aumentar as coleções digitais

Construir uma coleção digital que atenda as expectativas dos leitores pode ser caro. Felizmente, existem maneiras de diminuir a pressão sobre seu orçamento.

  • Pagamento por uso: Centenas de títulos estão disponíveis para compra em uma base de pagamento por uso. Esse modelo garante que as bibliotecas só façam pagamento do livro quando ele for lido. É uma ótima maneira de aumentar o número de títulos disponíveis para seus leitores, mantendo seu orçamento digital.
  • Pool: No modelo por assinatura o cliente tem um valor mensal com acesso ilimitado a todo o conteúdo da base – este formato tem foco em bibliotecas escolares.
  • Compartilhamento digital: um consórcio digital permite que as bibliotecas compartilhem suas coleções digitais, aumentando exponencialmente o número de livros disponíveis para todos os leitores. cloudLink, o programa de compartilhamento digital da Bibliotheca, permite que outras bibliotecas compartilhem títulos do cloudLibrary – após priorizar seus próprios usuários. A maioria das bibliotecas vê um aumento de 50 a 150% na circulação digital após ingressar em um grupo cloudLink.
  • Pense além dos livros: livros digitais e audiolivros não são os únicos materiais digitais disponíveis. Diversifique sua coleção adicionando quadrinhos digitais, revistas e jornais. Tanto o Comics Plus quanto o NewsStand (revistas e jornais digitais) oferecem acesso acessível a dezenas de milhares de títulos para uso simultâneo e ilimitado.

 

Venha construir a biblioteca do futuro conosco!

A Bibliotheca tem como compromisso imaginar um futuro melhor para as bibliotecas. São mais de 50 anos de atuação em 30.000 instituições em 22 países, tornando a experiência de usuários e equipes mais simples e inclusiva.

Conheça mais sobre nossos serviços e soluções inteligentes: deixe-nos saber como podemos ajudar, fale com nossa equipe de especialistas hoje mesmo. Nossa equipe dedicada é motivada por parcerias, soluções criativas e pelo desejo de tornar o acesso à informação uma realidade para todos! 

Venha construir conosco um futuro mais inclusivo e eficiente para sua biblioteca!

Entre em contato através deste formulário e entraremos em contato o mais breve possível.

icon-open-book

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR:

MAIS NOVIDADES